sexta-feira, abril 20, 2012

Dia Internacional dos Homens - ele existe!

Dia Internacional dos Homens, ele existe!

     Eu nao vou de maneira alguma negar aqui minha ignorancia. Quando eu decidi escrever sobre o Dia Internacional da Mulher, uma das primeiras coisas que tive que confessar a mim mesma, foi o fato de que, eu nao tinha a menor ideia da historia por traz de 8 de marco. Como eu queria escrever algo que mostrasse o valor do dia e lembrando dos bons tempos em que eu trabalhei como jornalista, dcidi que so tinha uma coisa a fazer: pesquisar sobre o assumto. Duas coisas ficaram claras para mim durante minha pesquisa: 1) que o dia foi realmente criado por uma causa nobre; 2) que a participacao dos homens nos eventos que levaram ao ganhos trabalhistas das mulheres foi maior que eu imaginava. Nesse ponto decidi investigar se existia o Dia Internacional dos Homens e qual nao foi minha surpresa ao descobrir que, nao so existe, mas eh celebrado em 19 de novembro e observado em 60 paises ao redor do mundo. Para homenagear meu marido e senhor, segue aqui um pouco da historia da criacao do DIH.
      O interesse em instituir o DIH comecou no final da decada de 60, quando se iniciaram as discussoes sobre a possibilidade de que fosse celebrado na data de 23 de fevereiro.
      Em 1968, o jornalista americano John P. Harris escreveu um editorial no jornal do Salina que ressaltava uma falta do contrapeso no sistema soviético que promoveu um Dia Internacional das Mulheres para as trabalhadoras, sem promover um dia correspondente para os trabalhadores. Harris explicou que ele nao tinha inveja das mulheres soviéticas por terem seu dia de gloria, mas que, por outro lado, a falta da igualdade para os homens exibia uma falha séria no sistema comunista que se dizia um partido que promovia direitos iguais para ambos os sexos, mas que na realidade promovia muito mais os direitos das mulheres. De acordo com Harris, nao existia um dia de reconhecimento aos homens pelos servicos prestados e por seguirem as diretrizes dadas a eles pelo governo e pelas muheres. "isso me parece uma descriminacao desnecessaria e uma injustica ao status masculino." Harris escreveu.
     Apesar das discussoes e de varias tentativas, somente no inicio da decada de 90 eh que alguns eventos foram organizados nos Estados Unidos, Australia e Malta, mas infelizmente nao gerou interesse suficiente para ter continuidade alem de 1994. 
     Finalmente, em 19 de novembro de 1999, Trinidad e Tobago, no Caribe, celebraram pela primeira vez o DIH, marcando assim a instituicao oficial do dia. Embora o Dia Internacional dos Homens e o Dia Internacional das Mulheres serem focalizados especificamente no sexo masculino e no sexo feminino respectivamente, eles nao sao ideologicamente espelho um dos outro. A comemoracao do DIH é centrada primariamente em aspectos unicos às experiências vividas por homens e meninos colocando ênfase em modelo positivos, o que eh considerado extremamente necessario por haver, no contexto social, uma grande fascinacao por homens que se promovem atraves de mal comportamento.
      Os pioneiros do DIH ressaltaram que nunca existiu a intencao de competir com o DIM mas sim a de promover os aspectos positivos da identidade masculina . Em 2009 os seguintes objetivos foram ratificados como uma base para todas as observações do DIH, e são aplicados ingualmente aos homens e aos meninos independente de idade, habilidade, posicao social, etnicidade, orientação sexual, opinião religiosa , identidade sexual e status de relacionamento. Esses sao os objetivos do DIH:
  • Promover modelos positivos do papel masculino na sociedade; nao so artistas de filmes e desportistas, mas tambem o homem comum da classe trabalhadora que vive de forma decente e honesta. 
  • Celebrar as contribuicoes positivas dos homens a sociedade, comunidade, familia, casamento, aos filhos e ate ao meio ambiente. 
  • Focalizar na saúde do homem, no bem-estar social, emocional, físico e espiritual. 
  • Para realçar discriminação contra os homens em áreas de serviços sociais, atitudes sociais e expectativas, e da lei. 
  • Melhorar o relacionamento entre os sexos e promover igualdade dos sexos.
  • Para criar um mondo mais seguro e melhor onde as pessoas podem se sentir seguras e crescer para alcancar seu potencial. 
     Ainda que o DIH nao tenha sido criado dentro das mesmas condicoes em que foi instituido o DIM, a sua existencia eh um fato relevante que deve ser aplaudido e celebrado. Fica aqui meu convite para que em 19 de novembro de 2012, nos festejemos nao so os homens que lutaram e lutam para o avanco da sociedade como um todo, mas tambem os homens da familia que hoje se sentem negligenciados pela falta de reconhecimento em um dia especifico para eles.

P.S. Nao olha o portugues nao pois as palavras jah nao me veem como antes.
Selene P Santos
Greenville, SC
 http://en.wikipedia.org/wiki/International_Men's_Day

Um comentário:

Bel B disse...

Mesmo com todas estas explicações não vejo sentido neste DIH. Muito mais justo o DIM.
Valeram os artigos para nossa cultura.