sexta-feira, julho 25, 2014

Aniversariantes de 25/07

Anamira e Daniel são os aniversariantes de hoje. Parabéns galera.

terça-feira, julho 22, 2014

Postulante ao curso de macho

Tendo em vista o enorme sucesso no meio infantil aqui no Rio, mais um postulante ao curso de macho (faz xixi na cama), o famoso JP (João Pedro), veio até aqui em casa para discutir os ganhos sobre se tornar macho. O evento se tornou churrascante com o auxílio de Anete.
 
Abaixo, Tom e o postulante JP tecendo considerações.


Não foi comentada a razão ar combustível da churrasqueira como o ocorrido com o fogão a lenha em Lafaiete. Reconheço um excesso de ar.

Aspecto geral do recinto com o evento churrascante em plena atividade e o nosso pequeno mas alegre público.


NOSTALGIA – Caminhada Primeiros Passos

Se acessarmos a primeira postagem deste blog,  de Julho de 2006, veremos que trata-se da Caminhada Volta da Bandeira, com detalhes e vários depoimentos. Este foi o motivo inicial da criação do blog.
Como todos sabem a primeira caminhada denominada Primeiros Passos, foi realizada em 1988, cujo percurso de 200km foi da Fazenda Brejão para a Fazenda Itapoã, na qual se levou uma bandeira, daí a Volta da Bandeira,  15 anos depois,  que foi o percurso inverso.
Fazendo uma arrumação na minha estante este final de semana eis que me deparo com vários documentos da primeira caminhada, então resolvi reproduzir alguns neste blog.
1.       
      ATA DE REUNIÃO PARA ESCOLHA DA DIRETORIA DA CAMINHADA PRIMEIROS PASSOS
Reunidos os participantes da Caminhada Primeiros Passos decidiram eleger a seguinte comissão diretora e seus suplentes os quais observarão os cumprimentos do estatuto que regerá esta Caminhada, elegendo neste ato os cargos para Presidente, Tesoureiro e Secretário e Primeiro e Segundo Suplentes.

Eleitos como presidente: Isabel; Tesoureira: Noélia Barreto; Secretário: Marcelo; Primeiro Suplente: Edson e Segundo Suplente: Charlão, por unanimidade, assim proclamados em 24 de março do ano de 1988 da era cristã.

2.       ESTATUTO DA CAMINHADA PRIMEIROS PASSOS
É dever de todo participante contribuir e ajudar para um bom desempenho e realização da caminhada.
É dever de todos manter-se dentro dos padrões normais que regem nossa sociedade.
É direito do presidente: convocar assembleias; excluir participantes que cometam atos agressivos ao estatuto; dirimir as dúvidas que surgirem na interpretação deste estatuto.


3.       PRIMEIRO RELATÓRIO DA CAMINHADA

Dia 24/03: todos os participantes chegaram ao Brejão e foram recepcionados com faixa com os seguintes dizeres: BREJÃO SAÚDA ANDARILHOS. CONFIAMOS NA VITÓRIA” , ao som de badaladas do sino.
Dia 25/03: As 3:30h da manhã, todos já estavam em pé, em plena atividade, com os preparativos.
Depois do café e já vestidos com camisa oficial houve a cerimônia da partida. Isabel, a presidente, fez a leitura da Mensagem “D”, em seguida Noélia entregou a bandeira a Inocêncio, para ser entregue a Elifaz na chegada a Faz. Itapoã.
Entrega da Bandeira

Inocêncio fez a volta olímpica pelo jardim com todos os participantes acompanhando com muito entusiasmo. Enquanto isto, Califa observava com previsões pessimistas, tendo inclusive chamado Inocêncio de “Puta Velha”,  Isabel de “Palhaça” e Charlão de “Bosta”.
As 5:23h aconteceu a grande largada, tendo inclusive a presença surpresa de Noélia Oliveira que resolveu no último momento.
Após alguns minutos de caminhada, os grupos foram se definindo de acordo com a performance de cada um.
Mocó Tatu Tijolão Ob (Ivana), depois de comprar 2 tenis sendo o último, automático, turbinado e eletrônico, largou de sandália, por estar com a unha inflamada devido a um tratamento ineficiente,  inoportuno e não autorizado por Dr. Chalão Sholl.
Chegando ao Geraizinho o grupo tomou a primeira cerveja. Neste instante, passaram Califa, Nica, Dedé, Nenga e Vera com destino a Faz Itapoã.
A partir das 9:20h os grupos começaram a chegar em DIvisópolis, ao bar de Pitinga, ponto de encontro combinado com antecedência, quando além dos caminhantes chegou também a turma do apoio: Luciano Maia e Armando, de Toyota com a bagagem, e o pessoal do Brejão que levava os cavalos. Leo que tinha acompanhado o grupo andando, resolveu continuar a cavalo para ajudar a levar a tropa.
O acampamento foi na Fazenda de Luis Cordeiro (de Conquista). O almoço só saiu às 17h. Por falta d´água alguns ficaram sem banho.
A noite foi aberta a Clínica de Recuperação de Pés de Dr.Charlão Sholl  que tratou todos os calos. Os de pior estado eram Nunça, Noelia e Edson. Já Abimael estava com pernas inchadas, mas recebeu tratamento especial de Neuza com massagem e água quente.  Para os calos, o tratamento foi água quente com sal, calos furados com agulha e massagem com sebo quente.
As 7:30 da noite todos já tinham se recolhido, cansados e bombardeados mas não derrotados.

Isto foi apenas o primeiro dia.

Participaram desta Caminhada:

Isabel, Noélia, Marcelo, Edson, Charlão, Sérgio, Quito, Ivana, Leo, Abimael, Neuza, Noelia Oliveira, Nilson, Luciano Maia, Armando, Valmir e ajudantes.


domingo, julho 20, 2014

Hoje é aniversário dessa pessoinha maravilhosa.

São 21 anos. Jojô, você é uma pessoa especial, é uma das minhas sobrinhas preferidas e que amo de paixão. Desejo a você toda a felicidade do mundo minha princesa. Te amo muito.

sexta-feira, julho 18, 2014

Fim de férias com direito à visita ilustre

Ao chegarmos de férias encontramos o piso da sala estufado. Como tia Norma estava sozinha em Ipanema fomos visita-la e acabamos dormindo lá até nosso pessoal de Salvador chegar em alto estilo na sexta. No sábado visita aos 141 ursos que representam os países da ONU. A exposição está no Leme, na praia.
 Terminamos assim as férias, Lafaiete Coutinho, Vitória da Conquista e Ipanema (levei meu passaporte).

As meninas foram, mas Tom ficou em Ipanema com tia Norma e a Nésia.

Após a visita aos ursos chopp no Fiorentina já que ninguém é de ferro, e tínhamos de nos preparar para a feijoada que estava sendo preparada na casa de Anete.



Após o jogo contra a Holanda, fomos comemorar o quarto lugar no Delirium Café, no cardápio cervejas belgas e depois um lanchinho rápido.

No domingo passeio na Lagoa para andar de pedalinho, após uma puxada de uns 3 km a pé, pausa para caipiroska de caju com limão e tangerina com gengibre. Dia esfuziante com gosto de quero mais. 


Bolinho de bacalhau. E depois a grande final e mais feijoada.

terça-feira, julho 08, 2014

Brasil x Alemanha

Alívio !!! Depois de tanta roubalheira para promover uma Copa na intenção de apagar da memória do povo a conduta inescrupulosa dos nossos governantes, tenho de agradecer à Seleção da Alemanha a chinelada na cara que acorda o povo brasileiro. 
O exemplo que daríamos se o Brasil ganhasse essa Copa seria a de que ‘o crime compensa’; de que vale a pena fazer do jeito errado, torto, que no final dá certo. Agora, vamos voltar a realidade, e parar de compactuar com esse governo que nos parasita, com essa tentativa de esconder os problemas embaixo do tapete. A eleição vem aí ! Pra frente Brasil!!!!

domingo, julho 06, 2014

Próximo passo no Curso para Machos...



Atenção mães, mostrem este vídeo para os filhos.

Brasil e Colômbia - disputa de futebol e sabores.

Dia ocupado pra dedéu para dna Lila (trabalhou, fez unha e cozinhou), Tia Nóe (que não para de trabalhar) e dna Pat (que deu banho em Tom, fez unha e foi ao super), fiquei com a criançada enquanto a mulherada trabalhava. Mantive sob estrita vigilância o comportamento dos meninos quanto aos preceitos aprendidos no Curso de Macho I, ministrado pelo inefável Tio Fernando ainda em Lafaiete (Joaquim não chupa mais dedo, Mateus não chama mais vitamina de gagau, mas ainda usa canudo para tomar a vitamina - esses pontos foram discutidos intensamente pelos pretendentes ao título de macho com o monitor que ora vos reporta), maiores detalhes serão postados posteriormente para que nosso guia elabore o Curso de Macho II em função do progresso de macheza dos pretendentes.
Abaixo flagrantes da mulherada pronta para ir para a casa de Anamira e Serginho.
 
 

 
 
Assistimos ao jogo do Brasil na casa de Anamira e Sérgio. Além da animação habitual adicionada do reencontro dos parentes, do resultado do jogo tivemos  como atração principal o arsenal gastronômico à disposição dos convivas. Como já enfiei o pé na jaca desde Lafaiete por que não experimentar mais delícias. No flagrante a mesa de entrada.
 
 

 Torcedores discutindo animadamente e demonstrando todo o conhecimento do nobre esporte bretão.
 Como não podia deixar de ser o pessoal foi ajudar a preparar mais coisinhas. Vi a anfitriã de relance, pois a nêga estava atarefada.


terça-feira, julho 01, 2014

Festa em Three Hills

 SPA da Alegria... Todo mundo mais gordo!

Primeiro Fim de Semana
Fernando e Isabel; Edinho; Eliezer e Sandra;  Luciano; Sergio, Anamira e Maria Luisa; Leo, Alessandra, Nanda e Duda; Lilian e Mateus; Naninha e Joaquim; Marcia e Nicholas; Jandira e Guilherme; além dos moradores fixos Janete e Vinicius. No dia de São João apareceram também Duda e Lucia.

Segundo Fim de Semana

Fernando e Isabel; Edinho; Noélia; Luciano; Lilian e Mateus; Naninha e Joaquim; Art, Pat e Tom; Nilson e Iolanda; Robson, Janete e Maria Julia; Lucinha e Carol; Felipe; Guilherme; Janete e Vinicius. E Leri foi passar o domingo com a gente.


Three Hills - Downtown

Mateus e Maria Luisa passeando em Downtown

Aqui o nome Beiju... Vá com sua Tapioca para o Sul

Com requeijão na chapa fica bem light

Maquiagem na torcida





























Nosso telão que só funcionou após Brasil x Camarões
Curso de Macho com Prof Fernando e o Auxiliar Art

Em plena hora do jogo, alguns preferiram a cozinha.

Este jogo mais importante que o outro, sempre.



quinta-feira, junho 26, 2014

Em Tempo de Copa do Mundo

Mateus fazenda  o dever da escola:
- Quem é o técnico da Seleção Brasileira?
Lilian para Noélia:
- Você sabe mainha?
Noélia:
- Não sei... acho que é Scolari
Lilian:
- Não é Felipão?
Noélia:
- Não sei... acho que Felipão era na Copa passada.

Depois Lilian jurou que Cristiano Ronaldo era da Seleção Brasileira, neste caso com toda lógica:
- Como é que pode? O cara é jogador de futebol, é o melhor do mundo, chama Ronaldo e não é da nossa seleção!

E Joaquim, filho de Naninha, inconformado, porque Neymar não vem jogar em Conquista...

Uma semana em Three Hills, com esta galera,  na 3ª rodada da primeira fase, 4 jogos por dia, para alguém entender quem é quem...  um verdadeiro samba do criolo doido.
A única exceção era Dra Sandra que com sua tabelinha manual, nada de internet, estava sempre pronta a dar as informações...
Eu acostumada com Igor, Iuri e Ivan que sabem até quem come banco (os reservas dos times)  portanto, informações atualizadas e imediatas também fiquei perdida..

By Isabel - de Three Hills para o Mundo

quarta-feira, junho 18, 2014

Coisas curiosas do Japão

Em novembro do ano passado, eu e Ademário fomos ao Japão. Por que Japão? Além da curiosidade do Oriente, o Japão é um dos países interessantes mais perto de Seattle (10 horas de voo, enquanto que para Europa a viagem é de 24 horas aproximadamente). O Japão é tudo que se fala e muito mais. Umas das coisas que nos surpreendeu foi o comportamento do povo (e haja povo!). As lojas (muitas lojas de departamento com grifes nacionais e internacionais, onde se pode passar todo o dia) são cheias de vendedores, atenciosos e risonhos. Acostumada a ter que procurar alguém para ser atendido na Macy’s (catedral de consumo daqui), lá me sentia até incomodada com o excesso de atenção. Para pagar, não se entrega o dinheiro ou o cartão na mão do caixa: coloca numa bandeja; após efetuar o pagamento, o caixa lhe entrega o cartão ou o troco com as duas mãos, um sorriso largo e agradecimentos. 
Outra coisa muito curiosa lá são os banheiros. Já conhecia a fama de higiene dos japoneses, inversa a dos franceses e dos ingleses. Na Europa, em geral, paga-se cerca de 0,50 cents de euro (quase R$ 2,00) para usar um banheiro público; nas lojas de departamento tem sempre um cuidador com um pratinho para coletar as moedas dos usuários. Nas cidades que andamos no Japão, encontram-se banheiros públicos em todos os lugares e lojas, sempre muito limpos e bem decorados. Mesmo em banheiros chiques, encontram-se vasos orientais (tipo vaso turco) e ocidentais a escolher.

Vasos sanitários ocidental e oriental

As tábuas dos vasos sanitários (ocidental) são, em geral, confortavelmente aquecidas. Além disso, tem um comando acoplado que fornece água, em jato ou spray, como uma ducha higiênica. Se achar pouco, há também um emissor de ruídos com volume regulável, para evitar que os outros escutem os sons do usuário durante o uso do vaso sanitário
Comando na tábua do vaso sanitário e ducha higiênica (seta azul - sumiu)
O único papel que existe nos banheiros é o papel higiênico nas cabines com os vasos sanitários. Para secar as mãos, só ar quente. Alguns banheiros não têm ar para secar as mãos, mas as japonesas sempre têm uma toalhinha na bolsa, que preferem usar. Os homens enxugam as mãos com o próprio lenço que carregam no bolso.

Com exceção do pequeno recipiente nas cabines dos sanitários femininos, não existem cestos de lixo nos banheiros e em nenhum outro lugar. É coisa rara encontrar um banheiro com papel para secar as mãos (só encontramos um, no lobby do hotel em Osaka).
Também se preocupam com as crianças. É possível encontrar cadeira para bebe nas cabines, vasos sanitários e mictórios e pia de tamanho adequado para os pequenos.


Para crianças nos sanitários femininos

Antes de falar do restante dos banheiros femininos, é preciso ficar ciente que as japonesas valorizam demasiado sua aparência: usam sempre sapatos de salto alto, saia curta, bolsa de grife, e adoram maquiagem. Os homens, não ficam atrás – usam sempre terno escuro, sapato e bolsa de couro, tudo de qualidade. A importância da maquiagem é tão significativa, que existem vagões nos trens e metrôs exclusivamente para as mulheres, para fazer ou refazer a maquiagem durante a viagem.
Nos banheiros femininos, é claro, não pode faltar um espaço adequado para esta “necessidade”: espelhos grandes e pequenos à vontade, prateleiras de vidro para colocar a bolsa e cadeiras confortáveis e até a raridade, cestos de lixo. 









Local para maquiagem nos banheiros femininos
Para finalizar, vale falar das quilométricas estações de trens e metrôs, com mais de 40 saídas, um labirinto. Em Tóquio, sem o mapa da estação, você para e chora, está simplesmente perdido. Em Osaka, por sorte as estações são menores, porque os mapas estão, na maioria, em japonês (pode ter também em chinês culto e chinês simples, mas raramente em inglês). 
Obs,: Confesso que estou apanhando para postar um texto com figuras no Caravana. Elas não me obedecem, o tamanho das fontes também não, mas felizmente o conteúdo parece estar intacto... 

terça-feira, junho 17, 2014

Viva o Brasil e o PT

Esta semana já tivemos a discussão do coitadinho, e eu também entrei online para ver a programação da Copa do Mundo. Fiquei muito impressionado que vai haver jogos no pais inteiro!! Os descendentes de Comte vivem reclamando que foi um absurdo o gasto de dinheiro em estádios, mas ninguém considera os benefícios ou o que isto significa.

Para começar vou retornar ao que éramos na década de 60. Eu vivia em Conquista, no fim de semana escutávamos futebol do Rio de Janeiro em um radio de ondas curtas. O Brasil so existia no Rio e Sao Paulo, o resto era mato. Eu fui levado a torcer para o Vasco da Gama no Rio de Janeiro, pois futebol de Salvador nao era importante em Conquista.

Naquela epoca Juscelino fez Brasilia e mudou a capital para la. Os "Comteistas" declaram o absurdo da despesa e roubo, que o Brasil nao precisava daquilo. Alguém ai hoje em dia pode dizer que Brasilia foi um erro?

Outro aspecto importante da decada de 60 sem PT era o padrão de vida. Minha família tinha recursos, entre as famílias "ricas" de Conquista. Mesmo assim tínhamos um carro só, um jipe que era vendido ocasionalmente para a compra de fazendas, passando 6 meses sem carro. Viagem ao exterior era minha grande paixão. A primeira pessoa a viajar para o exterior foi Elifaz, e em 1966 Duda. quando Duda foi viajar um time de app. 20 pessoas foram a Viracopos levar ele, alguns de terno pois a ocasião era muito especial.

Minha posição sobre o gasto com estádios e que foi um grande passo a frente. Estes gastos tem 2 benefícios. Em primeiro lugar, ao contrario do que dizem os paulistas, todo mundo no Brasil trabalha e produz. Portanto todos merecem ter um estádio bom na sua região, de certa forma estamos distribuindo a renda. Em segundo lugar tem a parte da unidade para ser uma nação unida. Brasil e Estados Unidos são as duas grandes exceções na geografia política. Todos outros países grandes (India, China, Russia) tem culturas e línguas diferentes por região, na realidade são uma colcha de retalhos. O resto da America Latina e outro exemplo, todos estes países foram colonizados pela Espanha, mas se tornaram em um grande numero de países e não um só como o Brasil.

A outra reclamação sem sentido e que o Brasil esta horrível, roubos do PT, economia péssima. Eu acho que isto e falta de visão histórica. Quem quer voltar para a década de 60, ninguém tinha carro e viagem ao exterior era sonho!! Acho que grande parte da reclamação e que os intelectuais falidos acham que os operários do PT não sabem o que estão fazendo, só eles.

Lula (dasequação)

Nao Anonimo

segunda-feira, junho 16, 2014

De que cor eu sou?

Estes são os avós de meu pai por parte de mãe, vovó Zuza, meus bisavós. Todos nós sabemos que o brasileiro é uma mistura danada. No final não quero ser negra, não quero ser branca, não quero ser índia, só quero ser eu.

No caso do Brasil não consigo entender nada, na minha ficha médica minha cor é branca, acho que o pessoal está cada vez mais miope.

Mas a cor da nossa pele também depende do nosso nível social. Não sei como funciona tbém as cotas para negros. Será que tenho direito?

Ahhh e para finalizar, adoro a minha cor. Como disse Quito, não sou "Negão", sou café com leite.


Ivana no Rio com os meninos

Ivana chegou no sábado aqui no Rio. O almoço foi lá em casa com direito a galinha ensopada, lasanha de carne, galinha assada, comida para uma semana.
De noite Ivana foi com as meninas passear por Ipanema, eu fui para o aniversário de uma amiga e Pat e André foram a um show de Jazz que Caio tocou.
No domingo, andamos de skate pela manhã e de tarde um churrasquinho na casa de André e Pat. Gente, está difícil aprender a andar de skate, meu instrutor agora com Diego viajando é Tom, as meninas de Ivana deram um show, andam melhor que eu.
Mas a farra está boa, do jeito que gosto, casa cheia de pessoas queridas. Amo.
Só tiramos esta foto na casa de Pat, Dedê e Gaby descansando.


Almoço no sábado. Dona Norma, Pat, Nelma, Alberto,
Dedê e Ivana
Ipanema
No Arpoador




Almoço domingo na casa de Pat