segunda-feira, junho 16, 2014

De que cor eu sou?

Estes são os avós de meu pai por parte de mãe, vovó Zuza, meus bisavós. Todos nós sabemos que o brasileiro é uma mistura danada. No final não quero ser negra, não quero ser branca, não quero ser índia, só quero ser eu.

No caso do Brasil não consigo entender nada, na minha ficha médica minha cor é branca, acho que o pessoal está cada vez mais miope.

Mas a cor da nossa pele também depende do nosso nível social. Não sei como funciona tbém as cotas para negros. Será que tenho direito?

Ahhh e para finalizar, adoro a minha cor. Como disse Quito, não sou "Negão", sou café com leite.


3 comentários:

Fernando disse...

Ser ou não ser.......nada disso é importante o que importa é ser você .

Fernando

Bel B disse...

Basta se auto declarar negro que tem acesso as cotas. Eu acho que qualquer um de nós poderia, pois temos um pé na África. Minha mãe dizia que João Evangelista, meu bisavô, era preto.
Felizmente Anete, nós não precisamos de cotas...

Alvaro Risso disse...

Anete, o problema é saber se você é "NÓS" ou "ELES" como o PT tem dividido o povo brasileiro.