segunda-feira, novembro 18, 2013

Rio e imediações em um final de semana de feriado

Feriado de 15/11/2013: sexta feira (Mangaratiba)
 
Saimos, eu, Diego e mainha do Rio de Janeiro rumo à Mangaratiba. Para quem não sabe, logo após formar, vim para o Rio fazer a obra do Club Med no Rio das Pedras.
 
Depois de 27 anos sem aparecer, retornei às origens. O interessante é que não me lembrava de nada. Não consegui nem reconhecer a cidade. Acho que 27 anos é muito tempo, Mangaratiba cresceu muito. Também não consegui ir no condomínio em que fiquei naquela época e também não consegui entrar no Club Med que estava fechado para um evento.
 
E pegamos um pequeno engarrafamento na chegada que custou um pouco de mau humor de Diego. A volta foi tranquila depois do almoço, sem engarrafamentos.
 
Saldo do passeio: Almoçamos em frente ao mar, comemos uma deliciosa Caldeirada de Frutos do Mar e casquinha de siri. Mais importante ainda foram as companhias, pessoas que amo demais.
 
Rodamos em torno de 250 km ida e volta.

Em Mangaratiba depois de 27 anos

Eu e dona Norma




Eu e Diego
Eu e Dona Norma

Na Igreja






Dia 16/11/2013 :  sábado (Cabo Frio)
 
Saimos para Cabo Frio às 9 horas da manhã do sábado, Diego não foi preferiu ficar em casa.
 
Na estrada paramos para comer um pão com linguiça, muito bom.
 
Quando chegamos em Cabo Frio, descobrimos que nem Biu nem América estavam lá. Demos um pulo na Praia do Forte, nunca vi tanto farofeiro. Terminanos almocando um salmão delicioso em um restaurante português e voltamos para casa para esperar Daniel.
 
E descobri que quando fui a Cabo Frio há 27 anos atrás era também totalmente diferente. Hoje é como uma grande cidade com muitos prédios.
 

Rodamos em torno de 330 km ida e volta.
 
O tempo passa muito rápido e a evolução acompanha.
 

Dona Norma na Praia do Forte em Cabo Frio


Dona Norma em frente ao restaurante

Eu e dona Norma
















 
 


.



Dia 18/11/2013 :  domingo (Rio de Janeiro)

No domingo, fui mostrar a dona Norma um pouco do Rio. Chovendo muito, tudo nublado, a cidade vazia. Mas mesmo assim deu para mostrar a Estrada do Joá que ela ainda não conhecia. Daniel ficou na feira de Artesanato em Ipanema.

Depois fomos para a casa de Pat e André para um churrasquinho. Saimos de lá já de noitinha. Programa nota 10 para um dia de chuva.

Domingo foi só para curtir preguiça, dormi um bocado e acordei cansada na segunda.





Um comentário:

Bel B disse...

Dona Norma virou turista!...