terça-feira, junho 26, 2012

Mais visitas no Rio+20

Agora no Rio + 20, um professor amigo de Nelma pediu para ela ver algum lugar para Rushdia ficar aqui no Rio.
Fazendo mestrado em planejamento urbano, militante do movimento estudantil no Canadá, ela chegou domingo dia 17 de junho mas só apareceu lá em casa no sábado dia 23. No período da Rio+20 ela conseguiu hospedagem mais perto do local do evento.
Rushdia - indiana que mora há 15 anos no Canadá
Quando ela chegou no sábado, Diego não estava em casa, só eu e Nésia.
Já coloquei o PC na sala no Google tradutor e conseguimos nos comunicar mais ou menos, o google como intermediário, enfim...no fim tudo dá certo.
Nésia tinha feito um bobó de camarão (ela não como carne) e eu fiz um enrolado de mussarela de búfala com tomate cereja e rúcula (que ela ficou fã). Ela adorou.
Na domingo, o grande Lú finalmente apareceu lá em casa, ele chegou na quinta feira mas não conseguimos nos encontrar antes e fomos brindados com um jantar indiano.
Arroz com lentilha e açafrão da terra, um molho picante de tomate e um omelete com coentro. Lembrar que eles usam gengibre na comida. Uma delícia.

Comida Indiana

Além de nós Tom também estava mas não quis ser fotografado. André perdeu esta.
Como não foi nada programado nem pude convidar mais gente.
Eu, Rushdia e Pat
O São João passou longe aqui do Rio, não vi nem procurei lugares que por acaso festeja o São João, não comi milho, nem amendoim e nem canjica. Foi como se nem existisse. Quem sabe no ano que vem passo na Bahia.
 
Enfim...jantamos



2 comentários:

Luciano Leto disse...

Comida muito gostosa e sem comentarios para nossa anfitriã Anete/Diegão

Bel B disse...

Será que as indianas são todas iguais? Rushidia parece tão conhecida...