sábado, setembro 18, 2010

Coisas de Mocó

Atendendo a solicitação de Naninha vou contar a última de Ivana.
Ontem (18.09.10 - sexta-feira) tivemos um encontro no Bartal para conhecer uma ala da família Matos. Idéia de Califa que depois do maravilhoso aniversário resolveu promover esse encontro.
São uns primos de Califa que ele não via há muito tempo. O mais velho é o Osias que viu o menino Califa com 10 anos de idade, hoje Osias tem 94 anos. Bem, tinha também o Onesífero, o nome é esse mesmo e eu já conhecia esse nome faz tempo, mas pensei que nuca fosse conhecer a figura, esse é mais novo, 91 anos. Além desses tinha uma galera mais jovem da idade de Califa, 80 anos, bem e por aí vai.
Tinha gente de todas as idades, meninos da minha idade, 46 anos, e muitas crianças também.
Mas vamos ao assunto, lá pelas tantas estávamos no balcão para pagar nossa parte da conta, eu Ivana e Lilian, quando se aproxima um sujeito, e Ivana imediatamente olha para o sujeito e pergunta: ... e você quem é? O cara fica meio confuso, -heim, como assim... eu... eu cheguei aqui agora... conheço você?
Bem , para Ivana a essa altura todos os clientes já tinham se transformado em família Matos, foram muitas risadas...

8 comentários:

art disse...

só Ivana para nos iluminar nessa idade das trevas.

Bel B disse...

Eu nunca fui mocó, mas atualmente devido aos hormônios (falta de) ou ao dna(data de nascimento antiga)de vez em quando, pratico um pouco de mocologia. Na última 6a.feira fui para o dentista (Implo), coloquei o carro no estacionamento, e havia esquecido a carteira em casa... enfim precisei recorrer a Clínica. Bem, quando ocorre algo deste tipo comigo, acho que foi um transtorno, fico aborrecida! No entanto, vejo que os mocós autênticos não estão nem aí, conseguem ser felizes apesar de... Que fazer? Preciso tomar um curso de autoajuda em mocologia.

Naninha disse...

Bel...faz como Mocó ....dá risada e pronto.

Outro dia fui visitar o cliente...e deixei a bolsa lá...a secretária dele me falou...que nunca viu uma mulher esquecer uma bolsa....dei risada e fui embora....

Falei com Tio Elifaz outro dia que Moco parece ele...nesses assuntos...e ele não gostou....sabe o que ele me disse?" Essa menina não tem nada de mim...." e eu falei..."Nem a chatisse, meu tio" Não, Ela é mais do que eu."

Naninha disse...

Depois de 10 anos de arabaca(apelido do gol branco)...Mocó chega em um posto de gasolina...abafada....correndo....fumando....pensando só em matemática....quando o bonbeiro chega e pergunta rápido demais...é alcool ou gasolina....Filde tomou um susto....Olhou bem séria para o rapaz e falou...Esqueci, moço! Acho que o rapaz teve que cheirar....para ver o que era.....

Ivana disse...

O pior é que passei a semana rindo com essa última! Robinho omitiu alguns detalhes da estória. O dito cujo do homem, se aproximou enquanto eu pagava a conta. Estava junto de pai, mãe, filhos, irmão, irmã etc...só faltou o papagaio. Achei-o parecido com um Matos e perguntei: E você quem é? O homem disse: eu? Estou chegando agora! Fiquei toda desconcertada....e tentei me explicar...é estamos aqui numa reunião de família etc...e ele disse que achava ótimo uma reunião de família bla...bla...bla...foi se aproximando devagarinho, estava com um bilhete na mão e disse no meu ouvido. Pega ai, é o telefone do meu amigo que está sentado naquela mesa...advogado...gente boa....se interessou por você...etc... aí foi que fiquei desconcertada mesmo...fazer o que só rindo!

Olha Bel, se você quiser uma aula de cálculo, geometria analítica, álgebra Linear, Resistência dos Materiais, Variáveis Complexas etc......estou preparada. Mas, de mocologia até hoje não aprendi!

Betty Boop disse...

ahahahahahahah!!! quase morro de rir Ivana!!:)

Alessandra disse...

Esse blog é uma higiene mental!!!rsrsrsr

Anônimo disse...

Pode ser Mocó, mas faz um sucesso danado! Hein, Ivana. "Só rindo".
Pat