segunda-feira, fevereiro 16, 2015

Caguto (1948 - 2015)

Ontem fomos informados por Cristiano, do falecimento de Caguto, um amigo da família de muitos anos. Amigo que surgiu de Feira de Santana quando Edinho e Nilson moravam por lá.
Lembro-me muito de Caguto tocando e cantando nas festas de aniversário de tia Nicácia,

"Se um dia você foi para uma festa com Cagutão.....jamais esquecerá..!!!...Caguto proporcionou momentos inesquecíveis......sempre rimou com alegria!... Quando ele tocava deixava a todos em estado de graça. Despertava em nós uma alegria contagiante que mesmo desafinados ou não.....saudávamos o "estar" juntos e transformava simples momentos em eternos." (Naninha, no Whatsapp)

"Olá pessoal, neste retorno do feriado de carnaval não poderia deixar de homenagear nosso amigo Caguto. O conheci ainda menino numa noite estrelada de verão em Itaquara quando fazia uma serenata na praça.  Todos escutavam atentamente aquele "que veio para inspirar e romantizar". 
Entre um detalhe e outro (de Roberto) e uma Agonia e outra ( de Oswaldo Montenegro), cochilei no colo do Montanha. Inesquecível... Sinônimo de alegria, ele foi o músico que inspirou o "abraçar a música para sempre", ainda no início da adolescência.  Este presente carrego até hoje com alegria para mim sempre em companhia do violão.
 Deixo meus sentimentos para Dilma, Adriana, Dea e lu. CAGUTAO SAUDADES E ATÉ UM DIA NUMA CANTORIA." (Maurício, no Whatsapp)

1995 - Bar Tal


1995 - festa de formatura no Bar Tal. Ilustres presenças.


1995 - Bar Tak


Veraneio em Mutá - última cantoria

4 comentários:

Anete disse...

Uma figura inesquecível. Ficará para sempre na nossa memória

Anônimo disse...

Olá queridos, Que linda homenagem! quantos momentos maravilhosos heim!!... ficará na lembrança e saudade! beijos a todos ..
Adriana( filha de Caguto).

Anete disse...

Este sim. Vai fazer falta.

Fernando disse...

Um grande amigo,espero que volte.

Fernando