quarta-feira, julho 28, 2010

Ainda não me senti distante.

Semana que vem completaremos 7 meses aqui no Texas, e sabe que ainda não me sentir distante.

O primeiro semestre foi tão cheio parentes por aqui que tenho me sentido em casa.

Em fevereiro Katarine prima de Rose foi nossa primeira visita, foram poucos dias mas encheu a casa.

Na semana santa tivemos Tia Bel e Ferna por uns 10 dias, montamos churrasqueira fizemos churrasco, Ferna fez meu amigo beber quase 1 litro de whisky numa tarde e ainda viajamos para Nova Orleans.

Eis que a espectativa agora era para a chegada de Ivan e Joana. Eles chegaram na quinta dia 27 de maio e curtimos bastante também. Viajamos, eles compraram muito e ainda passaram meu aniversário por aqui.

Meados de junho vieram Tia Bel e Tia Eleusa trazendo as meninas. Passaram um mês por aqui e foi diversão total, copa do mundo, muita festa e comida.

O doce de leite e o bolo de Tia Eleusa fizeram sucesso, já o suco de batata de Tia Bel teve uma aceitação mais moderada. Além disso as duas deixaram suas marcas pois, as meninas volta e meia cantam as músicas que elas ensinaram, "Fome tremenda" e "Estátua nua"são as mais lembradas.

E para finalizar tivemos Tio e Tia de Rose com filha e neto juntamente com Diegão, morador do Mississipi, que veio matar as saudades do Brasil comendo muito bóbó, farinha e churrasco.

Agora Ivan e Joana já estão de passagem comprada para mais quinze dias conosco no Natal e Reveillon.

Pois é turma a vida tem sido assim, sente-se saudade de algumas coisas do Brasil, sente-se falta de não poder participar de festas como os 80 de Kalifa ou o São João na fazenda de Tio Edinho, principalmente quando vemos os vídeos, mas não dá para se sentir longe com tanta gente aparecendo por aqui, quando estamos nos despedindo de quem passou alguns dias conosco já vivemos a expectativa dos que virão nos visitar.

Igor
Correspondente do Caravana no Texas.
Direto do velho oeste com as portas abertas aguardando o próximo, Barreto, Martins,Ramalho, Andrade, Risso e adjacencias que queira aparecer.

4 comentários:

eleusa disse...

Passar um mes na casa dos Ramalho Matos foi muito gratificante. A hospitalidade dessa família é inigualável. Fico preocupada em expressar o quão eles foram hospitaleiros, pq os leitores vão querer conferir e eles vão ter que sair e comprar mais colchonetes.
Igor, Rose, adorei compartilhar com voces esses dias.
Obrigada, voces são de ++++++++++++
Beijos

Betty Boop disse...

Marido,
concordo plenamente....receber as pessoas...ir nos pouquíssimos pontos turísticos de Houston, e comprar....me faz muito bem!!!

Fernando disse...

Vocês estão querendo competir comigo o cargo de melhor anfitrião? ...kkkk ... Em fevereiro veio Ricardo Risso e Katia para o carnaval. Em abril Norma, depois Anete que passou uma semana antes de receber o ap. Em maio Igor. Em julho VIctor. Em agosto já anunciado Pat e André, depois Ivan. Em setembro Eleusa, Alvaro e Enrico.Não estou nem contando Janete, Vinicius, Lucinha, Zezinho, Lula, Chiquita, etc

Betty Boop disse...

Vc tá bem ein??!! Quase igual a gente....heheheheheh!!